quinta-feira, 2 de maio de 2019

Blog Negro Nicolau traz para o campo do debate pautas esquecidas pelas mídias tradicionais, por Ana Karolyne


Ana Karolyne. (FOTO/Reprodução/Facebook).

A estudante de Jornalismo pela Universidade Federal do Cariri (UFCA), em Juazeiro do Norte, Ana Karolyne, residente no município de Nova Olinda, encaminhou via WhatsApp mensagem de apoio e de sugestão pela passagem dos oito anos do Blog Negro Nicolau na rede mundial de computadores.

Karolyne concluiu o ensino médio em 2016 na escola de Educação Profissional Wellington Belém de Figueiredo (Nova Olinda) no curso técnico em Edificações e sempre foi vista como uma estudante comprometida, dedicada e ciente aonde queria chegar.

Enquanto aluna no ensino médio foi premiada pelos excelentes resultados obtidos no Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica do Ceará (SPAECE) e no Exame Nacional do Ensino médio (ENEM), edição 2015.

Karol, como é mais conhecida, sempre esteve na linha de frente – ainda no ensino médio -, das manifestações contra as reformas já aprovadas no governo Temer (MDB) e contra as em andamento no governo Bolsonaro (PSL). 

Enquanto estudante de Jornalismo na UFCA, incorporou ao seu cotidiano as ideias dos movimentos feministas, negro e LGBTTs. No último dia 30 de abril ela participou junto com este professor e blogueiro e do professor Fabrício Ferraz do I Fórum Interescolar da Escola Padre Luís Filgueiras (Nova Olinda). Karol abordou o tema "O Movimento Feminista e a Luta pelos Direitos da Mulher".

Abaixo íntegra da mensagem de Karol:

Muita fartura de vida para o Blog Negro Nicolau! Gostaria de parabenizar Nicolau e todas pessoas colaboradoras no processo de construção e manutenção do blog. A responsabilidade e compromisso com a informação são elementos muito importantes nos processos comunicacionais e o BNN desenvolve muito bem o papel da comunicação social. Trazer para o campo do debate pautas esquecidas pelas mídias tradicionais é de suma importância para as comunidades que não dispõe do poder da informação.

Fico muito feliz em acompanhar um trabalho em que os direitos humanos sejam pautados, seja centrado. Então muito obrigado pelas discussões honestas, justas e de qualidade levadas pelo blog. O espaço aberto pelo BNN possibilita que muitas demandas sociais sejam assistidas, que a produção de conhecimento aconteça e que principalmente chegue à população democraticamente.

Veja também:

































Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao comentar, você exerce seu papel de cidadão e contribui de forma efetiva na sua autodefinição enquanto ser pensante. Agradecemos a sua participação. Forte Abraço!!!