terça-feira, 25 de junho de 2019

Greenwald diz que próximo material a ser relevado irá “tirar a máscara de Sergio Moro”


Greenwald diz que novas denúncias vão derrubar Moro.
(FOTO/Reprodução/Blog da Cidadania).

No último domingo (9) o jornalista Glenn Greenwald se tornou uma das figuras mais faladas do Brasil. Um dos fundadores do Intercept Brasil, ele foi coautor da série de reportagens que revelou diversas mensagens vazadas supostamente do celular de Sergio Moro, ministro da Justiça.

As revelações feitas pelo Intercept mostram que Moro poderia ter influenciado no andamento da Lava Jato, culminando com a prisão do ex-presidente Lula, e nas eleições de 2018, que colocaram Jair Bolsonaro no poder.

Em entrevista ao Yahoo, o jornalista afirmou que o próximo material a ser relevado irá “tirar a máscara de Sergio Moro”, mas recusou dar mais informações sobre o seu teor. Greenwald também fez novas críticas à Rede Globo, segundo ele o único veículo de comunicação grande do país a não se interessar pelas informações obtidas pelo Intercept.

Greenwald também falou que iria ao Senado sem problema para falar sobre os dados que obteve. Lembrou que à época em que fez uma reportagem com Edward Snowden, analista de sistemas ex-CIA e NSA, que colocou em xeque diversas instituições norte-americanas, falou em comissões mesmo sem convite. “O que quero é que a informação chegue ao público como deve chegar”, afirma.
_______________________________________________________
As informações são do Blog da Cidadania e do Yahoo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao comentar, você exerce seu papel de cidadão e contribui de forma efetiva na sua autodefinição enquanto ser pensante. Agradecemos a sua participação. Forte Abraço!!!