10 novembro 2016

Pai de aluna que fraudou Enem diz que só queria realizar sonho da filha


O pai da jovem Sofia Macedo, de 19 anos, suspeita de fraudar o Enem, disse em entrevista ao portal R7 que fez tudo sozinho, para ajudar a filha "a realizar um sonho, que é cursar a faculdade de medicina".

Publicado originalmente no 247

Otacílio Macedo, dono de um supermercado no interior de Minas Gerais, contou que pagaria R$ 50 mil - e não R$ 180 mil, como divulgou a Polícia Federal - a uma quadrilha para saber o gabarito antes da prova.

Ele assegurou ter feito tudo sozinho, e que a filha só soube do esquema no dia do teste. Segundo ele, Sofia está em casa, mas continua bastante abalada com as mensagens contra ela no Facebook, onde apagou sua página.


No ano passado, Sofia se manifestou contra a corrupção, pedindo "Fora, Dilma"


0 comentários:

Postar um comentário

Ao comentar, você exerce seu papel de cidadão e contribui de forma efetiva na sua autodefinição enquanto ser pensante. Agradecemos a sua participação. Forte Abraço!!!