08 dezembro 2015

Impeachment, De que lado você está?, por Lucas Alarcon*


Oi Galera, hoje com uma postagem mais séria, bem séria. Simplesmente interfere em, bem, o país inteiro.

Bom só para deixar claro, EU NÃO SOU A FAVOR DO GOVERNO ATUAL, esclarecido isso vamos começar. diga-se de passagem nosso país já viveu dias melhores, e muito, a inflação está alta e subindo, desemprego nem se fale, imposto nas estrelas, crescimento financeiro zerado, acho que já deu para entender, nesse meio tempo, uma palavra começou a ser usada entre os poderosos(lembrem-se deles), impeachment, ou seja, um ininterrupto do governo atual, dona Dilma ser chutada do palácio do planalto, e em sua doce ignorância, o povo passou  a apoiar o movimento, sem ofensas caso seja o seu caso, mas sinceramente, este pessoal sabe o que é impeachment, e a quem ele irá beneficiar? será que é de fato ao povo, através desta postagem espero que vocês cheguem a uma conclusão.

A palavra deriva de três línguas, latim, francês e Inglês, e em resumo todas significam impedir, interromper.

É uma lei que tira do poder um governante máximo, divido ele ter cometido algum crime, ferido a constituição, ter abusado de seu poder, sendo este processo liderado pelo congresso nacional, assembleias municipais, ou câmaras municipais.


Bem, não irei me prolongar mais em definições porque não é este o foco da postagem, caso queiram entender mais sobre o assunto aqui estão duas páginas, a primeira explica detalhada mente a definição e a outra é a lei em si.



Como quase todo o Brasil é a favor do impeachment, vou explicar porque eu sou contra.

Primeiro, os supostos crimes da Dilma são inconclusivos, e perante a lei todos são inocentes até que se prove ao contrário, fala-se em desvio de verbas de várias fontes, mas nada que ligue o caso  diretamente a ela. Fala-se também nas pedaladas, que para os leigos, é como um disfarce no orçamento apresentado pela presidenta, mas isso não é o suficiente para a concretização do movimento. Fala-se em ela não ter percebido os eventos na Petrobras, mas não só para esta como para vários argumentos cá está minha resposta:

INCOMPETÊNCIA NÃO E CRIME(OBS:não estou dizendo que ela é incompetente, só generalizando), fomos nós país quem a escolhemos, se escolhemos alguém que não vê estes desvios, um Impeachment não vai resolver isso.

O que dizer as pessoas?

Além da frase acima, olha, não há como uma pessoa destruir um país em 4 ou 8 anos (agora num governo de 12 ou 16 a história muda, né PT?), não foi só a Dilma, foi um processo de varrer poeira para baixo do tapete, que por azar se revelou neste governo, mesmo com um governo perfeito, não se pode salvar em 4 anos o estrago de décadas acumulado, e verdade seja dita, não é este o caso.

Um Impeachment não vai salvar o estrago já acumulado, muito pelo contrário, além destruir o resto de credibilidade lá fora que nós tínhamos, afundando de vez nossas relações externas, que por sua vez, irá acabar com múltiplas áreas nacionais, será que que entrar vai de fato melhore algo, Michel Temer já declarou que a presidenta não o consultava nas decisões, alguém assim merece governar?

Além disso esse processo para o país, aumenta o desemprego e encerra os investimentos.

O que é mais vantajoso, finalizar o processo para acontecer o que foi citado acima, ou pressionar o governo para ele corrigir os erros enquanto ainda tem tempo? Reflitam antes de protestar por um processo que você nem ao menos sabe o que de fato é e o  que de fato causa.

Por fim cito que um grupo, apenas um grupo do Brasil ficaria na vantagem com o afastamento do atual governo, e foi quem começou, toda essa história, lembra, lá no começo da postagem, OS PODEROSOS, OS POLÍTICOS, como a própria Dilma falou, e eu fui, para minha tristeza, forçado a concordar, esse processo é apenas uma forma rápida e fácil deles chegaram ao poder, e eu ainda acrescento, uma forma de aqueles que estavam sob os holofotes, a um passo do precipício da cadeia, apontarem os holofotes para outro, a corda sempre arrebenta do lado mais fraco, e esses "poderoso" estão enfraquecendo, um outro lado, para o seu não arrebentar, e a Dilma deu mole. Todos buscarem tirar Dilma do poder para não buscarem tirar eles do poder.

Bom essa é a minha opinião, toda baseada em fatos, claro, espero que tenha te levado a pelo menos refletir sobre o famoso  Impeachment.

Aluno do Curso Técnico em Finanças da Escola Estadual de Educação Profissional Wellington Belém de Figueiredo, em Nova Olinda. O texto foi publicado originalmente no blog Miscigenados.

0 comentários:

Postar um comentário

Ao comentar, você exerce seu papel de cidadão e contribui de forma efetiva na sua autodefinição enquanto ser pensante. Agradecemos a sua participação. Forte Abraço!!!