30 abril 2012

Altaneira: Times Semifinalistas Encaminham Ofício Solicitando Mudança na Comissão de Arbitragem

0 comentários



HUMBERTO (A DIREITA) E MARCELO (A ESQUERDA)

Depois de finalizada a etapa classificatória para as semifinais do IX Campeonato de Futsal do Município de Altaneira onde, segundo os atletas, muitos erros de arbitragem marcaram a competição, os representantes das quatro equipes que irão disputar o título se reuniram e resolveram que não entrarão em quadra caso a Comissão de Arbitragem não seja alterada.
Os mesmos alegam que os árbitros são inexperientes e imaturos. 

Alegam ainda que os mesmos não possuem o devido conhecimento das regras básicas para o andamento das partidas e que durante o Campeonato foram cometidos erros primários, além de contradição nas marcações.

Além da mudança no quadro de arbitragem para o restante da competição, eles solicitam ainda que seja revisto o critério de suspensão dos jogadores por cartões amarelos. Segundo eles com a final da primeira fase, estes devem ser zerados, contribuindo para que as equipes participem da final com força total.

Os pedidos foram feitos por intermédio de ofício encaminhado a Humberto Batista, Diretor do Departamento de Esporte.

Humberto Batista afirmou ao Blog Informações em Foco que irão vir dois árbitros do Município de Nova Olinda para conduzir as semifinais e a grande final.

Continue Lendo...

ARCA, Altacity, Juventus e Nice Farão as Semifinais do IX Campeonato de Futsal de Altaneira

1 comentários




Foi realizado neste final de semana no Ginásio Poliesportivo as duas últimas rodadas do IX Campeonato de Futsal do Município de Altaneira. Com jogos muito envolventes e equilibrados, foram definidas as quatro equipes que irão disputar o título de Campeão.

Pra quem esperava mais um confronto na final entre as equipes que vinha decidindo os títulos nos últimos anos, Juventus e Nice, se enganou. No Sábado, Juventus e ARCA se enfrentaram para decidir o primeiro lugar do grupo A e acabaram não saindo de um empate em 02 a 02. O resultado fez com que a Juventus terminasse a fase classificatória em primeiro.

No Domingo à noite, Nice e Altacity também se enfrentaram com o mesmo objetivo. Em um jogo envolvente e muito consistente na marcação, os meninos do Altacity não deram chances pro atual vice campeão e venceram por 05 a 02. Com isso, o Nice terminou em segundo do grupo B.

As semifinais serão entre Altacity e ARCA e Juventus e Nice. São quatro grandes equipes e dois bons jogos. Pelo que fizeram em quadra, os confrontos serão bastante equilibrados.

Segundo o Coordenador de esportes Humberto Batista, os jogos se realizarão nesta terça-feira, 01 (primeiro) de maio, a partir das 18h30. 
Continue Lendo...

29 abril 2012

Altaneira - CE: Pesquisa revela que dos nove vereadores, cinco irão concorrer à reeleição

0 comentários




O Blog Informações em Foco realizou durante a semana passada pesquisa objetivando saber quais parlamentares irão concorrer à reeleição para a Câmara de Altaneira.

Pelo levantamento, dos nove vereadores, cinco responderam que possuem interesse em continuar legislando e fiscalizando por mais quatro anos no processo eleitoral de outubro deste ano. Da base aliada a Administração Municipal, encontra-se nesta situação os Vereadores Deza Soares, Flávio Correia e Lélia de Oliveira, todos do PCdoB.

Do Bloco oposicionista tentarão a reeleição os Vereadores Professor Adeilton (PP) e Genival Ponciano (PTB). Nós tentamos entrar em contato com Antonio Henrique (PP) e José Fernandes (PSDB), mas não obtivemos êxito.

O Presidente da Casa, o vereador Raimundo Rodrigues da Mota (PRB) descartou a possibilidade de ser candidato a vereador novamente e, segundo comentários, poderá lançar sua esposa Alice para disputar uma vaga no plenário municipal.

Já o Vereador Devaldo Nogueira (PSB) ainda não deixou claro se pretende continuar na disputa. 
Continue Lendo...

27 abril 2012

Marcelinho Paraíba admite erros, se defende de polêmicas e critica o Flamengo

0 comentários



No primeiro ano quando eu voltei foi um pouquinho complicado porque eu fui para o Flamengo. Lá o salário era o que mais atrasava. Três meses para receber um"

Artilheiro isolado do Campeonato Pernambucano com 14 gols, Marcelinho Paraíba também teve sua vida recente marcada por polêmicas. O meia-atacante, que já sinalizou o interesse em disputar mais uma temporada com a camisa do Sport, foi protagonista de episódios que chamaram a atenção do clube e do torcedor, como falta e atraso a treinamentos e recusa em ser substituído durante uma partida. E uma acusação de estupro já colocou o nome do jogador no noticiário policial.

Nesta quarta-feira, enquanto dirigia o seu carro para o clube, Marcelinho concedeu entrevista e resolveu apontar a sua própria versão dos fatos. Em relação aos episódios de indisciplina em treinos, o jogador admitiu que já errou muitas vezes. E apontou a mulher, com quem é casado há 18 anos, como uma pessoa importante para lhe manter na linha.

A última vez que eu faltei agora ela brigou muito. Ela não gosta quando eu falto. Ela é brava. Incentiva, dá carinho, mas quando é para cobrar ela cobra. Já fiz muitas coisas erradas, imagina se eu não tivesse uma mulher como essa, as coisas seriam piores ainda - disse.

O episódio mais recente envolvendo Marcelinho foi a recusa em ser substituído na derrota para o Paysandu, pela Copa do Brasil, que eliminou o Leão da competição. Para ele, a mudança foi injusta.

- Sabia que eu não estava bem no jogo, e o treinador tem o direito de, se o jogador não está bem no jogo, mudar. Achei um pouquinho injusto porque você vem dez, 15 partidas jogando bem e a primeira que não joga bem você sai. Jogador tem direito também de não gostar de ser substituído - afirmou.

Quando dirigia, durante a entrevista, Marcelinho foi interpelado por um torcedor, que pilotava uma moto. Para o jogador, é normal conviver com a exigência da torcida.

- Geralmente é mais elogio. Mas a gente sempre encontra uns torcedores mais exaltados um pouco, mas é normal.

Marcelinho também recordou a sua passagem pelo Flamengo, entre 2008 e 2009, após sete anos na Europa, onde atuou por Hertha Berlim e Wolfsburg (Alemanha), além do Trabzonspor, da Turquia. As lembranças, segundo ele, não são todas positivas.



Fonte: Globoesporte.com

Continue Lendo...

26 abril 2012

Vereador Professor Adeilton è intimado pela polícia federal

0 comentários



A sessão ordinária da Câmara de Altaneira nesta terça-feira, 24 (vinte e quatro), foi marcada por polêmicas.

O debate foi tenso entre os vereadores, principalmente entre Deza Soares (PCdoB) e o Professor Adeilton (PP) devido à intimação da delegacia da Polícia Federal para este último.

Através de ofício lido em plenário, a delegada da polícia federal, Angela Maria de Barros Menezes Agostinho solicitou o comparecimento de Francisco Adeilton da Silva em datas e horários estabelecidos visando instruir os autos do inquérito policial nº. 0015/2006-4 e prestar esclarecimentos . O mesmo pertencia ao quadro de servidores do Município e fazia parte da Comissão Permanente de Licitação no ano de 2005.


Foram intimados ainda os servidores Wellington Luis de Alencar, Roberto de Almeida Lima e a Secretária de Saúde na época, Rosilene Bitu Alencar.
Continue Lendo...

25 abril 2012

Câmara de Altaneira Aprova Requerimentos Sobre Regulamentação do Processo Habitacional e Obrigatoriedades do Ensino de Música

0 comentários




A Câmara Municipal de Altaneira aprovou na tarde ontem, 24 de abril, dois requerimentos. Ambos de autoria do Parlamentar Deza Soares (PCdoB).

Ressalte-se que as matérias tinham sido apresentadas na sessão do dia 10 (dez) e, retornou ao plenário para discussão e votação.

O Primeiro, não necessariamente nesta ordem, dizia respeito à criação de Lei Especifica regulamentando o processo de habitação no Município, no sentido de ampliar o programa habitacional com a construção de mais casas populares, além da substituição das casas de taipas ainda existentes no Município, inclusive na sede por casas de alvenaria, como também, definir ou delimitar novas áreas para aquisição e, claro, posterior construção dentro dos padrões de qualidade e segurança. 

O segundo, objetiva que se torne obrigatório o ensino de música no ensino fundamental em Altaneira. O autor da matéria voltou a defender que isso permite que se atenda ao exposto na Lei Federal nº. 11.769/2008 que alterou dispositivo da Lei nº. 9.394, de 20 de dezembro de 1996, e na Lei de Diretrizes e Bases da Educação.

Os demais vereadores afirmaram que as matérias sã ode grande relevância para os munícipes, inclusive chegaram a mencionar sobre a importância de se ter um plano habitacional, pois ajudará na construção de moradias dignas para os altaneirenses.

Os requerimentos foram para votação e não obtiveram posicionamentos em contrário.
Continue Lendo...

24 abril 2012

Capitalismo, dominação política e legislação restritiva aos conteúdos da internet

0 comentários



As tentativas de controle da internet por meio de legislação específica não são novidade. Há muito o tema faz parte da pauta de discussões sobre a rede mundial de computadores, seja como especulação, seja como certeza. Alguns países, como a China, procuram meios eficazes de limitar o acesso de seus cidadãos aos conteúdos que circulam livremente pela net, sem muito êxito. A atividade de hackers libertários faz com que cada restrição seja acompanhada por uma ou mais maneiras de superá-la, devolvendo ao público, ou à parte dele capaz de furar bloqueios oficiais, a possibilidade de continuar navegando sem limites pela rede.

A novidade talvez esteja na elaboração de leis com alcance mundial, e aí o conceito “novidade” aplica-se somente à regulação da internet. Outros setores já estão há bastante tempo sob controle direto ou indireto dos grandes poderes internacionais, como as atividades de importação e exportação, as reservas de mercado, as finanças, a economia baseada na produção e na exploração de conflitos armados. A atual onda de projetos de regulação do acesso a conteúdos da internet vem num momento significativo, de recomposição do modelo neoliberal; de avanço do pensamento conservador entre dirigentes europeus e, em especial, estadunidenses; do fenômeno Wikileaks como desmascaramento das forças e dos interesses que realmente movem o mundo e como detonador de potências latentes em cidadãos até então prisioneiros do pensamento único; dos protestos populares que, no mundo árabe, levaram à derrubada de dois ditadores e a uma nova articulação entre as forças conservadoras para garantir-se no poder; do surgimento de novos protestos, inspirados na Tunísia e no Egito, em todo o planeta, para exigir o fim de um sistema econômico que privilegia seus criadores/mantenedores em detrimento da grande maioria da população mundial, a multidão de anônimos que produz a riqueza da qual se apropria a minoria dominante, os chamados “1%”.

Mais do que simplesmente penalizar aqueles que distribuem conteúdos cujos direitos autorais estão nas mãos das grandes companhias da indústria do entretenimento, os projetos de regulação da rede mundial de computadores visam a enquadrá-la na lógica capitalista. Não que a rede tenha nascido e se desenvolvido fora desse modelo – ao contrário, ela teve origem no Pentágono, o braço militar mais evidente do capitalismo de ponta –, mas seu funcionamento descentralizado, que transforma cada usuário em tomador de decisões e o conjunto deles em força política de potencial ainda desconhecido, acabou levando a uma lógica própria, mutante, criada no processo mesmo da utilização e bravamente defendida pelos utilizadores, para os quais a internet significa a possibilidade de acesso a um mundo que, por motivos variados, sempre lhes foi negado.

É natural que nenhum usuário pretenda abrir mão dessa possibilidade e do que ela traz na forma de contatos, trocas, informações, facilidades, conhecimento. Ao contrário, quer-se ampliá-la, para permitir a exploração de novos usos e mais socialização de saberes e descobertas. E isso inclui alguns elementos de risco para o sistema que domina o mundo: organização na base das populações e as mudanças, no poder político, que essa organização acarreta; perda de fontes de lucros; incontrolabilidade de desejos, de decisões e de apropriação de novos conhecimentos; abandono, por parte de cidadãos comuns, da sensação de impotência, e certeza de que é possível mudar e moldar a realidade de acordo com as conveniências da maioria e não segundo interesses impostos por alguns como se fossem de todos; desmascaramento dos bastidores das negociações entre poderes; vitrine para povos oprimidos por ditaduras, invasões civis e militares e injustiças de toda ordem, além de fontes de informação variadas assegurando a divulgação e a análise de aspectos diversos dos acontecimentos, o que leva, entre outros fatores, a efeitos em rede, como a construção de conhecimento próprio por parte do cidadão comum, o desmascaramento da mainstream media como instrumento de manipulação política e o realinhamento da solidariedade planetária segundo aquilo que os internautas testemunham e divulgam e não em conformidade com o que o filtro das mídias ideológicas lhes oferece.

Não é pouca coisa. Levando em conta esses fatores, além do fato de que as poucas dezenas de transnacionais que comandam a economia – e, portanto, as decisões que dizem respeito a todos nós – estão também sob a batuta do grupo que comanda 96% da mídia e da indústria do entretenimento nos Estados Unidos, não é difícil montar a equação da necessidade, por parte desse grupo, de controlar a internet e de mantê-la sob domínio absoluto. Como os EUA são o país militarmente mais poderoso do planeta, e por isso em posição de ameaçar aqueles que desafiam suas decisões, entende-se por que os projetos de lei mais restritivos em relação à internet tenham se originado naquele país. Não estão em jogo apenas os royalties do presente, mas o domínio político que garantirá os royalties do futuro.

É contra esse estado de coisas que se colocam aqueles que não aceitam a regulação da internet, mesmo quando desconhecem o alcance de sua luta. Para que ela avance diante de um inimigo tão poderoso é necessário fazer alianças com os que também se opõem a ele e montar estratégias eficazes mas flexíveis, capazes de adaptar-se aos vários estágios da batalha e às artimanhas de um adversário disposto a vencer ou vencer. Também é necessário que todos tenhamos clareza do que está realmente em jogo, para que o debate sobre direitos autorais e a luta por uma internet livre não tropecem em armadilhas aparentemente de fácil superação, mas na verdade extremamente vantajosas ao inimigo – incluindo o enfraquecimento e a dispersão de seus oponentes.



Com informações do RECID

Continue Lendo...

23 abril 2012

Altaneira: Confusões e muitas reclamações marcam a segunda e terceira rodada do Campeonato de Futsal

3 comentários

ATLETAS PERFILADOS NA ABERTURA
FOTO: JOÃO ALVES


Foi realizado neste final de semana, no Ginásio poliesportivo, a segunda e terceira rodada do IX Campeonato de Futsal de Altaneira.

Os encontros foram marcados por muitas reclamações e confusões dentro e fora da quadra que conseguiram tirar o brilho dos bons jogos realizados. No sábado, 21 (vinte e um), no jogo entre o Juventus, atual campeão e, Veteranos, o atleta Val da segunda equipe quis sair rapidamente após um gol marcado por seu time e tropeçou em um jogador do Juventus e o árbitro Quieis acabou o expulsando. A expulsão gerou indignação no jogador e em todos os companheiros. Val, completamente exaltado, tentou tirar satisfação com o arbitro.

A confusão e reclamação saiu das quatro linhas e foi parar fora da quadra. Dois atletas, Adeilton do Nice e João Paulo do Juventus, este último não entro em quadra para jogar entraram em conflito e chegaram a trocar tapas. O motivo teria sido provocações de ambos os lados. Adeson, irmão do jogador Adeilton tomou as dores deste passou a tapear João Paulo. A confusão só foi parar quando os torcedores separam os envolvidos na briga.

A polícia foi chamada até o local e fez vistoria no atleta João Paulo e no seu automóvel. Toda via ninguém foi preso.

No domingo, 22 (vinte e dois), a arbitragem foi, mais uma vez o pivô das reclamações e confusões. O atleta Eduardo (Piripiri) entrou em quadra para jogar. Mas segundo os árbitros ele não poderia jogar, pois estava suspenso. Isso gerou muita revolta, principalmente no goleiro Paulo Robson e no próprio Eduardo. Paulo e o próprio Eduardo não se conformaram com a situação e afirmam que a arbitragem cometeu um equívoco.

Ainda no domingo a arbitragem não mostrou pulso firme no Jogo envolvendo Juventus e São Romão. Os atletas da segunda equipe deitaram e rolaram pra cima dos árbitros. 

Não obedeciam à distância das faltas, muitas vezes impedindo a passagem do árbitro para a própria marcação da distância. Antes do final da partida o jogador Pintinha do São Romão mostrou o dedo na frente do árbitro Daniel e este nem mesmo o cartão amarelo mostrou.

O rol de confusões só podia encerrar envolvendo mais uma vez a arbitragem. Um torcedor embriagado estava incomodando o árbitro Paulo que não se controlou e saiu de quadra para agredir o torcedor de nome Paulistinha, mas foi contido.


È bom registrar que a polícia não se fazia presente no local dos jogos.
Continue Lendo...

21 abril 2012

Evento cobra do Supremo Tribunal Federal celeridade no julgamento do mensalão

0 comentários



Uma série de manifestações para cobrar do Supremo Tribunal Federal (STF) celeridade no julgamento do mensalão acontece neste sábado em Fortaleza e mais 24 capitais brasileiras. Durante o movimento serão recolhidas assinaturas para um manifesto com objetivo de pedir que o mensalão entre logo na pauta do STF.

Representantes dos grupos Transparência Brasil e Queremos Ética na Política têm audiência marcada no próximo dia 25 com o ministro Ricardo Lewandowski, revisor do processo, onde entregarão todas as assinaturas e uma ampulheta como símbolo de que o tempo para o julgamento do maior escândalo do governo Lula escoa a cada minuto.

Em Fortaleza a movimentação acontece na Praça Portugal, a partir das 15h.



Com Informações do Cearaagora
Continue Lendo...

Começa no próximo sábado a 7ª Feira Nacional do Livro

0 comentários



Sob grande expectativa de público e com a presença de grandes escritores e mestres em literatura, começa no próximo sábado (28 de abril) – no Espaço Cultural da Urca - a 7ª edição da Feira Nacional do Livro e o Festival Literário de Poços de Caldas (Flipoços), com extensa agenda de atividades como mesas-redondas, palestras, work-shops, oficinas, contação de histórias, cursos, sobre temas os mais diversos como filosofia, televisão, quadrinhos, humor, história, comunicação, música, política, espiritualidade, ciência, saúde, culinária, sexualidade.

Entre os convidados ilustres do Flipoços 2012 - destaque para as presenças ilustres dos escritores Ferreira Gullar, Luis Fernando Veríssimo, Zuenir Ventura, Fernando Gabeira, Luiz Felipe Pondé, os cartunistas Caco Galhardo e Paulo Caruso, entre outros não menos importantes.

Com mais de 100 convidados para a grade de eventos literários e culturais – e contando com a presença de mais de 80 expositores em estandes voltados para a comercialização (a preços abaixo do mercado de livros e publicações culturais) – a Feira Nacional do Livro chega a esta edição com expectativa recorde de público durante os nove dias de Festa.

Na edição 2011, os organizadores (GSC Eventos Especiais) - contabilizaram durante os nove dias de evento um total de cerca de 50 mil visitantes. Para este ano, em virtude do feriado de 1º de maio, na terça-feira – e tendo em vista a ampla cobertura jornalística (rádio, jornais do eixo Rio-São Paulo, revistas especializadas) - o público esperado deve superar essa média, atingindo um número próximo de 70 mil visitantes.

Segundo a diretora da GSC, Gisele Ferreira, o interesse crescente de público e mídia indicam a importância adquirida pelo evento para a cidade e região: “Pela primeira a grande imprensa está interessada em cobrir um evento cultural em Poços de Caldas, de forma espontânea. Isto é um trabalho que temos desenvolvido continuamente e agora estamos começando a colher excelentes frutos, enfatiza Gisele Ferreira.”



Antonio Candido, eterno mestre
A edição deste ano da FNLPC e Flipoços 2012 presta homenagem a um dos maiores críticos literários da história brasileira, o professor e escritor Antonio Candido de Mello e Souza, poçoscaldense de alma e coração, e que será representado na abertura por sua filha Marina Souza, pois, com 93 anos de idade, foi desaconselhado, por orientação médica, a vivenciar emoções intensas.

Vídeo histórico
Apesar da idade avançada, Antonio Candido – residente na capital paulista - esteve presente à cerimônia de pré-lançamento do Flipoços 2012 realizada na sede da Câmara Brasileira do Livro, em São Paulo, no início de março (com ampla cobertura da grande imprensa (sites, revistas, jornais e emissoras de rádio) e ainda da mídia institucional especializada.

E mais: teve a delicadeza de receber – em outubro de 2011 - em sua residência a diretora da GSC Eventos, Gisele Ferreira e equipe - ocasião em que foram registradas as imagens (inéditas e exclusivas) que serão exibidas na abertura do Flipoços 2012.
Assim como nas edições anteriores, o Flipoços 2012 traz no contexto de sua programação oficial uma homenagem à Alemanha, berço de escritores e músicos célebres, país admirável e de vasta cultura acadêmica, literária, histórica e turística.

No âmbito nacional, lembramos a importância cultural, econômica e artística do estado de São Paulo e de sua capital gigantesca, universo de culturas, etnias, crenças, e de contagiante pulsação econômica e urbana.

O Flipoços também faz homenagem (in memoriam) ao escritor poçoscaldense Jurandir Ferreira (1905-1997), e que deixou obra valiosa (contos e romances) - sobre a qual o pesquisador poçoscaldense Huendel Viana – autor de elogiosa tese de mestrado pela USP – profere palestra no dia 28 de abril, às 14h, no Espaço Hora da Prosa.

Do mundo livreiro internacional, o Flipoços 2012 também inaugura série de homenagens a livrarias com menção a uma das maiores e mais charmosas do mundo, a Shakespeare and Company, fundada no início do século passado e tradicional local de encontro de grandes nomes da literatura mundial como Ernest Hemingway, James Joyce, Gertrude Stein, Scott Fitzgerald.





Fonte: http://www.fanzineepisodiocultural.blogspot.com.br/




Continue Lendo...

Ex-guerrilheiro receberá título de cidadão Joseense

0 comentários



Em meio à expectativa de que a presidenta Dilma Rousseff anuncie ainda este mês os nomes que integrarão a Comissão da Verdade, a Câmara de São José dos Campos entrega, nesta sexta-feira, o titulo de cidadão a um ex-guerrilheiro.

Pedro Lobo de Oliveira nasceu em Natividade da Serra no início da década de 1930 e mora, há vinte anos, na cidade de São José. Em 2010, o ex-combatente da guerrilha urbana no Brasil teve sua vida retratada no livro Pedro e os Lobos – Os anos de Chumbo na trajetória de um guerrilheiro urbano, do jornalista João Roberto Laque e começa a virar filme.
A saga do sargento que virou guerrilheiro começa quando, aos dezoito anos, ele migra para a capital paulista. Na metrópole, Pedro trabalhará como ajudante geral, servente de pedreiro e metalúrgico até ingressar na Força Pública, hoje Polícia Militar.

Expulso da corporação por força do AI-1, o filho de Natividade da Serra funda a Vanguarda Popular Revolucionária, sigla clandestina que irá abrigar o lendário capitão Carlos Lamarca. E, engajado na luta armada, ele se torna um dos mais ativos combatentes urbanos da época.

Em seu vasto currículo de ações estão, ataques a bancos, invasões de pedreiras, um atentado a bomba contra o Quartel General do 2º Exército do bairro paulistano do Ibirapuera, a invasão do Hospital Militar do Cambuci e a execução, a tiros, do capitão norte-americano Charles Rodney Chandler.

Capturado no início de 69, Pedro será barbaramente torturado e terá de cumprir ano e meio de cadeia até ser banido do país durante o sequestro dum embaixador alemão. Depois de passar por Argélia, Cuba, Chile e Argentina, ele viverá, por oito anos, na Alemanha Oriental, atrás do que o Ocidente costumava chamar de A Cortina de Ferro.

Com a anistia, o ex-guerrilheiro volta ao Brasil onde é reintegrado aos quadros da Polícia Militar como se sua vida encerrasse um caprichoso ciclo. Hoje um pacato capitão PM aposentado, ele se diz orgulhoso por receber o reconhecimento público pelo seu envolvimento na luta travada contra os militares que se apoderaram do poder no Brasil pela força das armas.

A cerimônia que tornará Pedro Lobo um cidadão joseense será na próxima sexta-feira, dia 20 de abril, às 20 horas, no Auditório Mário Covas, na rua Desembargador Murilo Pinto, 33, Vila Santa Lusia, São José dos Campos.

Conheça um pouco mais da fascinante história dum brasileiro de vida ímpar:

Continue Lendo...

20 abril 2012

Acopiara: Programas Bolsa Família, construções de cisternas e kit's sanitários viram moedas de troca de votos

0 comentários




A Prefeitura Municipal de Acopiara pode se complicar de vez. O blog recebeu uma denúncia dando conta que a Prefeitura deste Município está utilizando os programas Bolsa Família, implantação de cisternas e a construção de kit's sanitários, do Governo Federal, para angariar votos para o sobrinho do prefeito que é pré-candidato ao cargo majoritário nas eleições deste ano.

Funcionários da Prefeitura estariam visitando as residências dos eleitores oferecendo os benefícios e em troca os mesmos votariam no pré-candidato apoiado pelo prefeito. 

A proposta não sendo aceita pelo eleitor ele fica impedido de fazer qualquer cadastro.
Como as três ações fazem parte de programas do Governo Federal, a denúncia foi reencaminhada para o Ministério Público Federal para tomar as medidas cabíveis.

Em tempo

Nas eleições em 2008, o Jornal A Folha de São Paulo publicou a seguinte matéria sobre esse tipo de assunto.

Folha de SP denuncia pesquisa falsa e uso da bolsa família em Acopiara
Uma grave denúncia está nas páginas do Jornal Folha de São Paulo, edição desta quarta-feira, e tem como foco principal o Município de Acopiara, onde um instituto de pesquisa induzia os eleitores a citarem o nome do prefeito Antonio Almeida, candidato à reeleição, como motivo para continuar recebendo o Bolsa Família. A denúncia é grave e mostra como os programas sociais, como denuncia a reportagem da Folha de São Paulo, estão sendo usados como moeda de troca na campanha eleitoral.

Veja abaixo íntegra da matéria da Folha de São Paulo.

Outro uso do Bolsa Família na eleição ocorreu em Acopiara (CE). Enquanto respondia a uma pesquisa encomendada pela campanha do prefeito, Antonio Almeida (PTB), Maria Aparecida Pereira, 51, foi surpreendida com uma pergunta sobre o Bolsa Família. A Folha teve acesso ao questionário.

"A senhora ou alguém que mora na sua casa recebe o Bolsa Família?", quis saber o pesquisador. "Sim, eu recebo", respondeu Maria Aparecida. Na seqüência, duas perguntas sobre eleição. Em quem votará para vereador e para prefeito.

"Quando eu disse que votaria no Vilmar [adversário do prefeito], ele perguntou se eu não tinha medo de perder o benefício", diz a dona-de-casa, que completa: "Fiquei com muito medo de perder". Mãe de seis filhos, ela saiu gritando pela rua, e o caso foi parar na Promotoria eleitoral, que abriu investigação. O prefeito nega a prática e diz que a denúncia é uma tentativa do adversário para prejudicá-lo.




Com Informações da redeblogsdoceara
Continue Lendo...

Gestor Municipal antecipa volta ao cargo por temer auditoria anunciada por parlamentar

0 comentários

IMAGEM RETIRADA DA INTERNET


O Gestor licenciado  de  Nova Russas, Paulo César Evangelista (DEM), comunicou ao Legislativo Municipal que reassumiria seu posto na prefeitura da cidade, na manhã desta quinta-feira (19). Segundo o assessor jurídico da prefeitura, Carlos Eduardo Melo, uma boa recuperação física, atestada pelo médico, teria viabilizado seu retorno.

Em entrevista as rádios locais, Evangelista disse que reassumiu seu cargo às pressas, porque o presidente da Câmara, vereador Francisco Diogo, estaria anunciado uma auditoria as contas do município. Segundo o prefeito, Francisco Diogo estaria perseguindo os servidores públicos da cidade.



Com Informações do Cearaagora
Continue Lendo...

18 abril 2012

Primeiros sinais da movimentação política em Altaneira

0 comentários



O Município de Altaneira já entrou no clima das eleições. Nas últimas sessões o principal assunto foi à saída de Antonio Leite da Secretaria de Infraestrutura e Obras almejando uma vaga no legislativo municipal pelo recém criado PRB.

Até o momento não se tem informações se algum outro Secretário irá concorrer a uma vaga no parlamento. Toda via, o gestor do Município, Delvamberto Soares (PSB) já demonstrou interesse em ir para a reeleição. Em 2011, nas eleições suplementares, Ele venceu com a maior diferença de votos já tida em Altaneira, 903 votos a mais que sua opositora, a Dr, Andréia.

Os Vereadores Deza Soares, Flávio Coreia e Lélia de Oliveira, todos do PCdoB e que formam junto com Devaldo Nogueira (PSB) e Raimundo Rodrigues da  Mota (PRB) a base aliada da Administração também já demonstraram que tem interesse em passar mais quatro anos no Câmara Municipal. 

Do lado da oposição, apenas o líder desta na Câmara, o Vereador Professor Adeilton (PP) confirmou seu interesse em continuar legislando e fiscalizando.
Continue Lendo...

17 abril 2012

Câmara de Altaneira Cancela Sessão Ordinária Para Hoje

0 comentários

PRESIDENTE (CENTRO), VICE-PRESIDENTE(A ESQUERDA)
PRIMEIRO SECRETÁRIO(A DIREITA)



A Mesa Diretora da do Legislativo Municipal de Altaneira, composta pelos Vereadores Raimundo Rodrigues da Mota (PRB), Presidente, Deza Soares (PCdoB), Vice-presidente, Devaldo Nogueira (PSB), Primeiro Secretário e, Lélia de Oliveira (PCdoB), Segunda Secretária decidiram cancelar a Sessão Ordinária marcada para as 15h30 de hoje.

O motivo se deu em virtude da maioria dos parlamentares se encontrarem fora do Município participando de Encontros, a se destacar, 1ª Consocial Estadual e, outros tratando de assuntos de interesses do próprio legislativo.

É importante mencionar que teria na pauta de hoje dois requerimentos de autoria do Vereador Deza Soares. O Primeiro, não necessariamente nesta ordem, dizia respeito à criação de Lei Especifica regulamentando o processo de habitação no Município, no sentido de ampliar o programa habitacional com a construção de mais casas populares, além da substituição das casas de taipas ainda existentes no Município, inclusive na sede por casas de alvenaria, como também, definir ou delimitar novas áreas para aquisição e posterior construção dentro dos padrões de qualidade e segurança. 

O segundo, objetiva que se torne obrigatório o ensino de música no ensino fundamental em Altaneira. Para o autor da matéria isso permite que se atenda ao exposto na Lei Federal nº. 11.769/2008 que alterou dispositivo da Lei nº. 9.394, de 20 de dezembro de 1996, e na Lei de Diretrizes e Bases da Educação.

Ambos foram apresentados na sessão do dia 10 (dez) e retornaria nesta terça (17). 
Continue Lendo...

16 abril 2012

A Associação Nacional de História volta a se posicionar sobre a regulamentação da profissão de historiador

0 comentários



Nos últimos quatro anos, o Café História vem acompanhando a situação do projeto de regulamentação da profissão de historiador (Projeto de Lei do Senado n. 368 de 2009). Embora dividindo opiniões, o tema tem despertado grande interesse entre os historiadores brasileiros. Na última semana, a Associação Nacional de História (ANPUH), entidade que apoia a regulamentação da profissão, divulgou um novo comunicado público sobre o andamento do projeto no âmbito da Comissão de Assuntos Sociais do Senado, onde este encontra-se em trâmite.

Comunicado
Em seu comunicado, a ANPUH sublinhou que manteve “assíduos contatos telefônicos” com a assessoria do Senador Cristóvão Buarque, que está com a relatoria do projeto. Por meio destes contatos, lhe foi informado que existe uma “certa resistência” do Presidente do Senado, José Sarney, e da Presidenta da República, Dilma Rousseff, em sancionar novos projetos de regulamentação profissional no país. A Associação, no entanto, reforçou que “nosso projeto não tem um caráter excludente (ou seja, diferentes profissionais vão poder continuar escrevendo e falando sobre o passado), mas sim o intuito de assegurar a presença de profissionais com formação específica em instituições voltadas ao ensino e à pesquisa de História.” Segundo ainda o comunicado da ANPUH, a assessoria do Senador Cristóvão Buarque recebeu esta ponderação de forma positiva e firmou uma promessa de comprometimento no tocante a tramitação do projeto.

Entidade de grande influência entre professores, estudantes e pesquisadores de história no Brasil, a Associação Nacional de História tem assumido recentemente um papel mais político à frente de questões públicas que dizem respeito a atuação de historiadores no país. Em 2011, por exemplo, a entidade criticou o Supremo Tribunal Federal por sua concepção de história no caso de incineração de documentos e defendeu publicamente a presença de historiadores na Comissão da Verdade, que promete investigar crimes contra os direitos humanos cometidos durante a Ditadura Militar.

No caso da regulamentação da profissão de historiador, a ANPUH tem sido uma das principais entusiastas e defensoras da regulamentação. Isso está claro principalmente no tom de convocação presente em seus últimos comunicados. Na mesma comunicação em que informa a seus associados sobre o trâmite do processo de regulamentação, em Brasília, a ANPUH solicita às regionais e aos associados que “pressionem seus representantes no Senado pela aprovação do projeto e escrevam aos senadores Cristovam Buarque e José Sarney com a mesma solicitação”.

Profissionalização: as várias perspectivas
Muitos historiadores profissionais, isto é, aqueles que atuam na pesquisa e na docência, enxergam com bons olhos a regulamentação da profissão. Segundo defensores do projeto, uma vez reconhecida a atividade, abriria-se caminho para uma valorização ampla do campo historiográfico no país: organização sindical, criação de órgãos reguladores, criação de benefícios profissionais e novas oportunidades de emprego formal.

Mas nem todos concordam. Um outro grupo de historiadores alega que a profissão já é reconhecida no Brasil, não havendo necessidade de que esta seja regulamentada. Neste sentido, o projeto não seria necessário e teria pequeno ou nenhum impacto prático na forma como a atividade vem sendo desenvolvida. Há até mesmo um grupo significativo de historiadores que acreditam que efeito da regulamentação pode ser até mesmo danoso. O projeto poderia tornar o campo extremamente coorporativo, controlado e, em decorrência, limitador ou mesmo excludente. Um dos maiores temores deste grupo é a criação de um órgão regulamentador que se proclame representante dos historiadores e que defina de forma impositiva “o que é e como se deve fazer história no Brasil”.

E você, leitor do Café História, o que pensa sobre a regulamentação da profissão de historiador? É entusiasta, contra ou possui reservas? Não deixe de participar desta importante e necessária discussão de nossa área. Clique aqui para acessar o fórum sobre o tema e dê a sua opinião.




Fonte: Cafehistoria
Continue Lendo...

Quarenta e seis gols marcam a primeira rodada do IX Campeonato de Futsal em Altaneira

1 comentários

HUMBERTO E MARCELO COM OS TERNOS DAS EQUIPES
FOTO (JOÃO ALVES)


O Governo Municipal de Altaneira, através da Secretaria de Cultura, Desporto e Turismo realizou na manhã deste domingo, 15 (quinze) de Abril, a abertura do IX Campeonato de Futsal, categoria adulto.

Os atletas das 12 equipes participantes realizaram um desfile pelos principais logradouros da Cidade desembocando no Ginásio Poliesportivo.

No ensejo, além da Secretária de Cultura, Desporto e Turismo (Miriam Rodrigues), do Coordenador de Esporte (Humberto Batista), discursaram O Gestor Municipal (Delvamberto Soares – PSB) e o Vice-presidente do Legislativo (o Vereador Deza Soares – PCdoB). Outras lideranças políticas locais, a se destacar, os Vereadores Genival Ponciano (PTB), Antonio Henrique (PV) e Flávio Correia (PCdoB), além do Secretário de Agricultura e Meio Ambiente (Ceza Cristovão) e o Ex-secretário Infraestrutura (Antonio Leite) também prestigiaram o evento.

O IX Campeonato de Futsal é dividido em duas chaves, ambas com 06 (seis) equipes. Ainda no domingo, ocorreram os jogos equivalentes a primeira rodada. Pela manhã as equipes da Chave A. Aqui, destaque para o atual campeão. O Juventus não tomou conhecimento do Chelsea e sapecou 12 x 2. Veteranos e São Romão ficaram no empate em 3 x 3 e a ARCA venceu o  Alminense por 3 x 0.

A noite foi a vez da Chave B.  O vice campeão do ano passado, o Nice  bateu a Rua do Galo por 5 x 1. Já o Alto da Serra venceu o Serrano por 6 x 4 e, no último confronto da noite, em um jogo bastante nervoso, o Altacity levou a melhor sobre o Altash, 4 x 3.

Veja como ficou a classificação:



Com informações do Coordenador de Esporte – Humberto Batista

Continue Lendo...

Classificação após a primeira rodada

0 comentários


Confira a Classificação após a primeira rodada do IX Campeonato de Futsal, categoria adulto, realizada neste domingo, 15 (quinze) de abril, no Ginásio Poliesportivo.

Chave A:
Juventos - 03
ARCA - 03
São Romão - 01
Veteranos - 01
Alminense - 00
Chelsea - 00


Chave B:
Nice - 03
Alta da Serra - 03
Altacity - 03
Altash - 00
Serrano - 00




Com Informações do Coordenador de Esporte - Humberto Batista
Continue Lendo...

15 abril 2012

Altaneira: Abertura do IX Campeonato de Futsal

0 comentários



O Governo Municipal de Altaneira, através da Secretaria de Cultura, Desporto e Turismo está realizando neste domingo, 15 (quinze)  de Abril, a  abertura do IX Campeonato de Futsal, categoria adulto.

Os atletas das 12 equipes participantes realizarão um desfile pelos principais logradouros da Cidade desembocando no Ginásio Poliesportivo.

De acordo com o Diretor de Esportes, Humberto Batista, logo após o desfile haverá os discursos das lideranças políticas locais, culminando com a primeira rodada.

O IX Campeonato de Futsal é dividido em duas chaves, ambas com 06 (seis) equipes. O evento está previsto para ter início as sete e meia da manhã.
Continue Lendo...

Trocando a bandeira

0 comentários




Os pesquisadores Aluizio Alves Filho e Fernando da Silva Rodrigues são os convidados da segunda edição do Biblioteca Fazendo História, que a Revista de História da Biblioteca Nacional (RHBN) realiza no próximo dia 17 de abril, às 16h.

A partir do tema “Trocando a bandeira: brasileiros que lutaram em guerras estrangeiras” e da reportagem de capa da atual edição da revista, os estudiosos vão discutir os motivos que levam brasileiros a lutar em exércitos de outros países e lembram histórias como as de Abreu de Lima (1794-1869) e Apolônio de Carvalho (1912-2005).

A entrada é gratuita, sem necessidade de inscrição prévia. A presença no evento dá direito a certificado de participação, que pode ser utilizado por alunos e professores como horas de atividades complementares. O debate também pode ser acompanhado em tempo real pelo site www.institutoembratel.org.br e pelo twitter da revista(@rhbn).




Com Informações do Cafehistoria
Continue Lendo...

13 abril 2012

Nota de repúdio à declaração da presidente Dilma Rousseff sobre tortura

0 comentários



Dilma Rousseff declarou: "Não tenho como impedir em todas as delegacias do Brasil de haver tortura”

A presidente do Brasil Dilma Rousseff disse ontem, em visita oficial aos EUA, durante sessão de perguntas feitas pela platéia na Universidade Harvard, que é incapaz de impedir que haja tortura no País - "Eu sei o que acontece, não tenho como impedir em todas as delegacias do Brasil de haver tortura.”

As entidades que aderem a esta nota repudiam a declaração da presidente e esperam, ainda, que a Presidência aclare com rapidez em que medida tal declaração reflete a posição do Estado brasileiro sobre o assunto.
A declaração de Dilma - ela mesma ex-presa política e vítima de tortura - é inadmissível sob qualquer circunstância, mas vem revestida de ainda maior gravidade porque ocorre num momento especialmente sensível. O País enfrenta hoje um debate acalorado sobre o estabelecimento da Comissão da Verdade, que conta com o apoio da presidente, para esclarecer crimes praticados durante a ditadura militar, incluindo o crime de tortura.

Paralelamente, o Brasil ainda não pôs em prática o mecanismo de prevenção à tortura, conforme compromisso assumido na ONU, em 2008. O governo brasileiro reluta também há mais de dois meses em dar publicidade ao relatório do Subcomitê de Prevenção da Tortura da ONU, que visitou o Brasil em setembro de 2011. Por fim, o País falha repetidamente em adotar medidas capazes de coibir a prática deste crime em inúmeros centros de detenção provisória, presídios e unidades sócio-educativas.

É muito grave que a autoridade máxima do País se declare incapaz para coibir o crime de tortura nas delegacias. E é ainda mais grave que tenha escolhido um momento de enorme visibilidade para fazer tal declaração.

As organizações abaixo-assinadas buscam cotidianamente combater a prática de tortura e temem que a declaração da presidente seja interpretada pela sociedade e autoridades públicas brasileiras como um aval e reconhecimento de impotência, incapacidade e rendição diante de uma das mais graves violações aos direitos humanos atualmente no Brasil.

Pedimos uma declaração explícita da presidente de que não tolerará a tortura e empenhará todos os esforços para combatê-la.




Com Informações do Núcleo Frei Tito

Continue Lendo...

12 abril 2012

Altaneira: Vereador Deza Soares Defende Obrigatoriedade do Ensino de Música no Ensino Fundamental

3 comentários

VEREADOR DEZA SOARES (PCdoB)


O Parlamentar Deza Soares (PCdoB) apresentou na tarde desta terça-feira, 10 (dez) de Abril, em sessão ordinária, dois importantes requerimentos.

O Primeiro, não necessariamente nesta ordem, dizia respeito à criação de Lei Especifica regulamentando o processo de habitação no Município, no sentido de ampliar o programa habitacional com a construção de mais casas populares, além da substituição das casas de taipas ainda existentes no Município, inclusive na sede por casas de alvenaria, como também, definir ou delimitar novas áreas para aquisição e posterior construção dentro dos padrões de qualidade e segurança.  

O segundo, objetiva que se torne obrigatório o ensino de música no ensino fundamental em Altaneira. Para o autor da matéria isso permite que se atenda ao exposto na Lei Federal nº. 11.769/2008 que alterou dispositivo da Lei nº. 9.394, de 20 de dezembro de 1996, e na Lei de Diretrizes e Bases da Educação.

È importante frisar que as matérias retornarão ao plenário para discussão e votação.
Continue Lendo...